No RS, polícia prende suspeito de estupros em série

Ezequiel da Silva Porto possui três condenações por crimes sexuais e está sendo investigado em quatro casos

Lucas Azevedo - Especial para o Estado, O Estado de S. Paulo

30 Outubro 2015 | 10h25

PORTO ALEGRE - Um homem de 33 anos foi preso na manhã desta sexta-feira, na região metropolitana de Porto Alegre, por uma série de estupros. Ezequiel da Silva Porto possui três condenações por crimes sexuais e está sendo investigado em quatro casos, depois de reconhecido pelas vítimas. A ação ocorreu em Cachoeirinha, na Grande Porto Alegre, e foi desencadeada pela delegacia da mulher, com apoio do GOE (Grupamento de Operações Especiais).

Porto cumpria prisão domiciliar na casa da mãe, na cidade vizinha de Gravataí, onde não foi encontrado nesta manhã. Durante as buscas, ele foi achado sob uma ponte, na divisa de Cachoeirinha e Porto Alegre.

A polícia iniciou nova investigação depois que uma denúncia anônima levou os policiais a ligarem o suspeito ao ataque a uma vizinha, no último dia 19. Ao investigar o modo de agir de Porto, a delegada Marina Dillenburg o ligou a outros casos. Amostras de materiais genéticos do preso foram coletadas para serem utilizadas em outras investigações.

O suspeito age sempre armado e agride as vítimas a mordidas. Ele teria sido reconhecido como autor em outros quatro estupros que estão sob apuração. 

Porto é tido como perigoso. Em um dos casos, ele chegou a atirar contra sua vítima, que sobreviveu. Ele já cumpre prisão domiciliar por estupros e roubos. O homem foi levado ao sistema prisional e ficará à disposição da Justiça. 

Mais conteúdo sobre:
estupro Cachoeirinha

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.