No Senado, Vaccari nega desvio de recursos

BANCOOP

, O Estado de S.Paulo

05 de maio de 2010 | 00h00

Em depoimento à CPI das ONGs, ontem, o tesoureiro do PT e ex-presidente da Bancoop, João Vaccari Neto (foto), negou a existência de recursos públicos e desvio na cooperativa. Acusado pelo Ministério Público paulista de ser chefe de uma organização criminosa, Vaccari falou ao Senado pela 2.ª vez este ano. A primeira foi em março. Nas duas ocasiões, negou ter recebido envelopes de dinheiro para serem encaminhados ao PT.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.