Norte-americano paga multa e é liberado

O norte-americano Douglas Allan Skolnick, 56 anos, pagou na tarde de sábado, à Justiça Federal, a multa de R$ 50 mil aplicada pelo juiz Rony Ferreira, como punição ao crime de desacato. Ele deve deixar o País neste domingo, em um vôo previsto para as 8 horas. Skolnick foi preso na tarde de sexta-feira, pela Polícia Federal, no Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu (PR), após fazer gestos obscenos enquanto era fotografado para ser fichado pelo serviço de identificação. O dinheiro será revertido para o Lar dos Velhinhos e para o Centro de Nutrição Infantil, em Foz do Iguaçu.Segundo a Polícia Federal, o norte-americano, que estava em prisão domiciliar no Hotel Cataratas, pediu para ir a uma casa de câmbio trocar o dinheiro. Acompanhado de dois agentes federais, ele converteu seus dólares e fez o pagamento. Após o pagamento, a Justiça entregou seu passaporte.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.