Montagem/Estadão
Montagem/Estadão

Notícias do dia: Gilmar, Moro e Lula, F-1 '99%' no Rio, Dia de São João, 4 anos sem Cristiano Araújo

Estimativa de economia de R$ 1,1 tri com reforma da Previdência, punição a Sérgio Cabral e saída da UTI de filho de Huck também foram destaques desta segunda-feira, 24

Redação, O Estado de S.Paulo

24 de junho de 2019 | 21h00

SÃO PAULO - O Supremo Tribunal Federal (STF) não julgará nesta terça-feira, 25, o processo que trata da suspeição do ex-juiz Sérgio Moro no caso do triplex do Guarujá, que levou à prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Já o presidente Jair Bolsonaro (PSL) afirmou que é grande a chance de o Grande Prêmio de Fórmula 1 do Brasil voltar para o Rio de Janeiro a partir de 2021. Na economia, a líder do governo no Congresso, deputada Joice Hasselmann (PSL-SP), prevê que a economia com a reforma da Previdência seja de R$ 1,1 trilhão. Preso no Rio, o ex-governador Sérgio Cabral foi punido com isolamento. O filho dos apresentadores Luciano Huck e Angélica que sofreu um acidente enquanto praticava wakeboard recebeu alta da unidade de tratamento intensivo (UTI) neurológico. Já na música,  a morte do cantor sertanejo Cristiano Araújo completou quatro anos nesta segunda-feira, 24. E, para comemorar o Dia de São João, confira cinco receitas típicas e fáceis de fazer.

Quer saber os fatos mais importantes do dia? Confira abaixo as principais notícias desta segunda:

 

Newsletter

Para ficar bem informado, assine as newsletters do Estado e receba os destaques do noticiário por e-mail.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.