Montagem/Estadão
Montagem/Estadão

Notícias do dia: Mangueira campeã, Bolsonaro e o 'golden shower', condenação de ex-diretor da Dersa

Saída de executivo de cadeia no Japão, expulsão de embaixador alemão da Venezuela e dono da Havan na 'Forbes' também foram destaques desta Quarta-Feira de Cinzas, 6

Redação, O Estado de S.Paulo

06 de março de 2019 | 20h15

SÃO PAULO - A apuração do desfile das escolas de samba do Rio de Janeiro nesta Quarta-Feira de Cinzas, 6, consagrou a Mangueira como a campeão do carnaval 2019. O vídeo obsceno que o presidente Jair Bolsonaro (PSL) publicou em seu Twitter nesta terça-feira, 5, continua repercutindo.

Quer saber os fatos mais importantes do dia? Confira abaixo as principais notícias desta Quarta-Feira de Cinzas:

Mangueira é campeã do carnaval 2019 do Rio

Com homenagem à vereadora Marielle Franco, a Estação Primeira de Mangueira venceu o carnaval do Rio de Janeiro de 2019. A leitura das notas das escolas de samba foi realizada nesta Quarta-feira de Cinzas, 6, na Marquês de Sapucaí, sob clima de comemoração entre diretores da agremiação e torcedores na quadra da escola. A Mangueira liderou a apuração desde o primeiro quesito. 

Mídia internacional repercute tuíte de Bolsonaro com vídeo obsceno

Veículos estrangeiros repercutem o tuíte do presidente Jair Bolsonaro (PSL) com vídeo no qual dois homens aparecem em atos obscenos diante de uma multidão. O vídeo, publicado na conta oficial de Bolsonaro no Twitter, é definido pelo jornal americano The New York Times como uma "revolta" do presidente brasileiro diante da cena. Jornais britânicos e agências internacionais também comentaram a postagem de Bolsonaro.

Ex-diretor da Dersa é condenado a 145 anos de prisão, a mais alta pena da Lava Jato

Na mais alta pena da Operação Lava Jato, a juíza Maria Isabel do Prado, da 5ª Vara Criminal Federal de São Paulo, condenou o ex-diretor da Dersa Paulo Vieira de Souza a 145 anos e oito meses de prisão em ação sobre supostos desvios de R$ 7,7 milhões que deveriam ser aplicados na indenização de moradores impactados pelas obras do Rodoanel Sul e da ampliação da Avenida Jacu Pêssego. Vieira de Souza, apontado como operador do PSDB, está preso desde 19 de fevereiro, capturado pela Lava Jato do Paraná, por suspeita de lavagem de dinheiro.

Após Previdência, governo quer propor PEC para fim da unicidade sindical

Após a reforma da Previdência, o governo do presidente Jair Bolsonaro vai propor o fim da unicidade sindical, sistema que permite apenas um único sindicato representando determinada categoria na mesma base territorial. Segundo o secretário especial de Previdência e Trabalho, Rogério Marinho, a ideia é permitir a concorrência entre essas entidades e "estimular a melhoria de performance e a prestação de serviços aos associados".

Carlos Ghosn paga fiança de R$ 33,8 milhões e deixa prisão em Tóquio

Após 108 dias preso em Tóquio, o executivo Carlos Ghosn foi libertado. O brasileiro pagou fiança de R$ 33,8 milhões, estabelecida na véspera pela Justiça japonesa. A informação foi divulgada pela emissora de TV NHK. 

Corrente petista tenta evitar reeleição de Gleisi no partido

Não bastassem as dificuldades para negociar um acordo com os demais partidos de oposição, o PT - que elegeu a maior bancada da Câmara e teve 47 milhões de votos no segundo turno da eleição presidencial - ainda precisa resolver suas próprias diferenças internas. A disputa pela presidência do partido já começou. A atual presidente, Gleisi Hoffmann, deve tentar a reeleição. A deputada federal conta com o apoio do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, preso em Curitiba, e de grupos organizados como o Movimento dos Sem Terra (MST), mas enfrenta resistências dentro de sua própria corrente, a Construindo um Novo Brasil (CNB).

 

Venezuela expulsa embaixador da Alemanha que recebeu Guaidó em aeroporto

O governo da Venezuela declarou o embaixador da Alemanha, Martin Kriener, "persona non grata" e deu 48 horas para que deixe o país depois que ele recebeu o líder da oposição, Juan Guaidó, no Aeroporto de Maiquetia, na segunda-feira. A Alemanha é um dos mais de 50 países que reconhecem o presidente da Assembleia Nacional como presidente interino do país.  Mais cedo, o Sindicato Nacional de Jornalistas da Venezuela (SNTP) denunciou a prisão e o desaparecimento do repórter americano Cody Weddle, em Caracas.

Grande Rio teve 70 tiroteios durante o carnaval

O laboratório de dados sobre violência armada Fogo Cruzado registrou 70 tiroteios/disparos de arma de fogo na região metropolitana do Rio de Janeiro durante o período do carnaval. Ao todo, segundo o laboratório, foram 23 pessoas baleadas - 12 mortos e 11 feridos.

Dono da rede Havan entra para a lista de bilionários da Forbes

Dono da rede de lojas Havan, Luciano Hang entrou para a lista de bilionários da revista Forbes. A fortuna estimada do empresário ficou em US$ 2,2 bilhões, rendendo a ele a 1.057ª posição mundial. Entre os brasileiros, Hang aparece na 21ª colocação. Além do destaque nos negócios, ele se notabilizou como apoiador de Jair Bolsonaro durante as eleições de 2018.

Cem Anos de Solidão, de García Márquez, vai virar série da Netflix

O livro Cem Anos de Solidão, clássico do escritor Gabriel García Márquez, ganhará uma adaptação para as telas. A Netflix adquiriu os direitos de exibição e produzirá uma série baseada no romance, a ser gravada na Colômbia e apenas com atores latinos, condições impostas pela família Márquez. 

Newsletter

Para ficar bem informado, assine as newsletters do Estado e receba os destaques do noticiário por e-mail.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.