Elza Fiúza/Agência Brasil
Elza Fiúza/Agência Brasil

Notícias do dia: multa do FGTS, leilões do governo e Covas deixa UTI

Ex-diretor do Inpe na Nature, Brasil na COP, TV Escola, Grupo Petrópolis, usinas térmicas em Belo Monte, Reino Unido e acordo comercial entre EUA e China também foram assuntos desta sexta-feira

Redação, O Estado de S.Paulo

13 de dezembro de 2019 | 19h51

As empresas não terão mais que pagar à União multa do FGTS. O governo projeta 44 leilões para 2020, incluindo ferrovias, rodovias, aeroportos e portos. Ex-diretor do Inpe, demitido por Jair Bolsonaro, Ricardo Galvão foi eleito uma das dez personalidades da ciência pela Nature. Retrocessos ambientais rendem ao Brasil o prêmio 'fóssil colossal'. E a TV Escola pode acabar após o Ministério da Educação não renovar contrato. 

Leia também sobre a saída do prefeito de São Paulo Bruno Covas da UTI, a denúncia de esquema de lavagem de dinheiro de R$ 1,1 bilhão, a construção de usinas térmicas em Belo Monte, o início do fim do Reino Unido e o acordo comercial entre EUA e China

Quer saber os fatos mais importantes do dia? Confira abaixo:

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.