Tiago Queiroz/Estadão
Tiago Queiroz/Estadão

Notícias do dia: óleo no Nordeste, EUA e Acordo de Paris e demissões no governo

Bolsonaro e o caso Marielle, novo exame de Covas, demissão de general, exoneração na Funarte, libertação de atirador, acidente com helicóptero de Evo e a queda da popularidade do presidente do Chile também foram assuntos desta segunda-feira

Redação, O Estado de S.Paulo

04 de novembro de 2019 | 20h02

O ministro da Defesa disse que não é possível saber quanto óleo ainda pode atingir o litoral brasileiro. O PT pediu que a justiça investigue o presidente Jair Bolsonaro por obstrução da Justiça no caso do assassinato da vereadora Marielle Franco. General nomeado pelo ex-ministro Gustavo Bebianno pediu demissão do governo Bolsonaro e pelo menos cinco militares devem deixar a pasta. Outra baixa, foi a exoneração do presidente da Funarte, Miguel Angelo Oronoz Proença. Para viabilizar a integração do Rio São Francisco, governo quer usar leilão de energia solar. 

Leia também sobre a saúde do prefeito de São Paulo Bruno Covas, a possibilidade de soltura de atirador que matou três em cinema em São Paulo, a saída dos EUA do Acordo de Paris, o acidente com o helicóptero de Evo Morales e a queda da popularidade do presidente do Chile Sebástian Piñera

Quer saber os fatos mais importantes do dia? Confira abaixo:

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.