Nova 'CMTC' pode assumir uma das regiões de São Paulo, diz Haddad

O prefeito Fernando Haddad afirmou nesta quinta-feira, 5, que a nova empresa pública de ônibus, em fase de estudos, poderá assumir um dos oito setores de transporte da cidade. Cada setor é responsável por uma região da cidade. "A empresa poderá ajudar a regular o setor", disse o prefeito.

Artur Rodrigues, O Estado de S. Paulo,

05 de setembro de 2013 | 11h57

De acordo com Haddad, a Prefeitura já entrou em contato com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para estudar a viabilidade técnica do projeto. O valor da iniciativa ainda está sendo avaliado.

O prefeito afirmou que a ideia é que a empresa tenha uma frota "enxuta". Ele disse que com uma empresa gerindo um dos setores, a estatal poderia assumir outras regiões em caso de má gestão ou paralisação de uma das concessionárias.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.