Novas regras devem encarecer os estacionamentos na Vila Olímpia

Quem trabalha com estacionamentos avisa: é bom o motorista preparar a carteira - e a paciência - por causa das novas restrições ao estacionamento, principalmente na Vila Olímpia, onde estão 7 das 13 vias que sofreram alterações. "Dependendo do local, o estacionamento pode estar saturado, como nas proximidades das Ruas do Rocio e Helena", diz Sérgio Murad, presidente do Sindicato das Empresas de Garagens e Estacionamentos do Estado de São Paulo (Sindepark). O elevado número de estacionamentos não é capaz de atender à demanda dos edifícios comerciais. A reportagem do Estado visitou 20 estacionamentos na Vila Olímpia. Em 11, as vagas para mensalistas estavam preenchidas. Seis passaram a oferecer apenas vagas avulsas - e dois vão fechar as portas em dezembro para dar lugar a um novo edifício. Só foram encontradas vagas em três estacionamentos e dois acabaram de ser inaugurados. Um deles, localizado na Rua Casa do Ator, preencheu ontem 50 das 80 vagas disponíveis, quando as novas regras entraram em vigor."Com a grande procura e alguns estacionamentos fechando, eles aumentam o preço de forma extorsiva. É um verdadeiro cartel. Quatro subiram a mensalidade em agosto. Se um aumenta o preço, ocorre uma reação em cascata", diz a publicitária Maria Fernanda Daolio. Segundo ela, muitos resolveram trabalhar com vagas avulsas por ser mais vantajoso. Para Murad, do Sindepark, o aumento depende de cada estabelecimento, mas, de forma geral, as tarifas sofreram reajustes menores ou compatíveis com a inflação neste ano.

Mônica Cardoso, O Estadao de S.Paulo

02 de setembro de 2008 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.