Novela faz denúncias de maus tratos baterem recorde

O disque-denúncia carioca (21-2253-1177) bateu em junho o recorde de ligações desde que foi criado, há oito anos. Foram 10.018 telefonemas. O crescimento de telefonemas sobre maus tratos, que costumava aparecer em décimo lugar na lista de crimes, passou para a segunda posição, perdendo apenas para o tráfico de drogas. A novela "Mulheres Apaixonadas", que tem uma personagem espancada pelo marido, pode ter contribuído para que as denúncias aumentassem, disse a gerente de análise do Disque-Denúncia, Adriana Nunes.?As pessoas estão exercendo sua cidadania, passando a denunciar não só os crimes que as atingem, mas também os que atingem a outras pessoas. O fato de a novela mostrar isso pode estar fazendo com que a população se sensibilize?, disse.As agressões dentro de casa, contra mulheres, crianças e idosos, somaram 10% do total das ligações. O tráfico responde por 35% dos telefonemas. Os roubos e furtos de veículos representam 8% dos casos. O número de denúncias recebidas em maio (9.811) já tinha sido um recorde.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.