Novo motim nos últimos dias da Febem de Franco da Rocha

Às 20h30 desta quarta-feira, um grupo de internos de uma das alas da Unidade Educacional 29 (UE29) da Febem de Franco da Rocha criou um tumulto, queimando pilhas de colchões. Chamados, os bombeiros apagaram o incêndio.A Força Tática da PM também foi convocada pela direção, mas não precisou intervir no conflito. Duas horas depois, representantes da direção daunidade e dos funcionários conseguiram negociar com os adolescentes amotinados e encerrar a rebelião.De acordo com a assessoria da imprensa da Febem, não houve feridos entre internos e funcionários. Logo após o fim do motim, foi feita a revista e osadolescentes voltaram às suas celas.Eles não tinham nenhum líder em particular nemreivindicação específica, mas os internos dessa unidade reclamam, constantemente, damorosidade dos processos. Em cada ala há 40 adolescentes, mas a Febem não soubeprecisar quantos efetivamente participaram do motim.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.