Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Novo secretário deve aumentar passagens de ônibus

Um dos principais atos do novo secretário dos Transportes será o aumento da tarifa de ônibus na cidade. A informação foi confirmada nesta segunda-feira por vereadores da base de Marta Suplicy (PT) e por fontes da Prefeitura.Os motivos para a alta seriam a defasagem da passagem de R$ 1,40 - reajustada pela última vez há um ano e oito meses - e o aumento dos gastos do sistema."O novo secretário provavelmente aumentará, até por causa da defasagem da tarifa", disse um governista. O novo cálculo ainda nem começou a ser estudado pela secretaria, e o assunto não deverá ser tratado enquanto Luiz Silveira Rangel estiver respondendo interinamente pela pasta.A queda de Carlos Zarattini já era esperada por muitos vereadores na manhã desta segunda-feira. Ao fim da tarde, quando a notícia foi confirmada, parlamentares afirmaram que essa foi a melhor solução para o impasse das últimas semanas."Foi um processo. O sindicato fez campanha contra, houve queda-de-braço com empresários, a relação dele com a Câmara era ruim e surgiram denúncias", disse Alcides Amazonas (PC do B).Para ele, ficou faltando o secretário dizer quais são os vereadores que estão ligados a empresários de ônibus.Desafeto do secretário, Antônio Carlos Rodrigues (PL) não acredita que Zarattini tenha pedido demissão. "Agora o sucessor terá de recolher os cacos e recuperar dois anos perdidos."O presidente do Transurb (sindicato patronal), Sérgio Pavani, disse nesta segunda-feira que não queria comentar as críticas do secretário aos empresários de ônibus e a demissão de Zarattini. "É um cargo que Marta coloca e tira quando quiser."

Agencia Estado,

18 de novembro de 2002 | 23h42

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.