Novos tremores de terra atingem região norte de Minas Gerais

Abalo sísmico chegou a 4 graus na escala Richter; em dezembro, povoado foi atingido por tremor mais forte

Leonardo Werner, de O Estado de S. Paulo,

20 de março de 2008 | 23h02

A região norte de Minas Gerais voltou a sofrer um tremor de terra. O abalo sísmico ocorreu por volta das 19 horas de quarta-feira, 19, na comunidade rural de Caraíbas, nas proximidades do município de Itacarambi a 662 quilômetros de Belo Horizonte. O terremoto, detectado pelo Observatório Sismológico da Universidade de Brasília, chegou a 4 graus na escala Richter, que vai até nove.   Veja também: Desabrigados por tremor em MG ainda vivem em creches   Em dezembro de 2007, o povoado foi atingido por um tremor mais forte, de 4,9 graus, que causou a morte de Jesiquele Oliveira da Silva, de cinco anos. Outras seis pessoas ficaram feridas por conta do acontecimento, que causou destruição do vilarejo. A região está desabitada desde esse então.   Por causa disso, não há notícias de feridos ou de destruição provocadas pelos novos tremores. De acordo com os registros, o terremoto desta quarta-feira também foi sentido nas localidades vizinhas, como Araçá, distrito do município de Januária.   Os moradores de Caraíbas estão abrigados em Itacarambi. Novas moradias foram providenciadas pelo governo do Estado de Minas Gerais. Relatos de moradores apontam que já ocorreram outros tremores desde dezembro do ano passado. Nenhum, no entanto, tinha a intensidade do registrado na quarta-feira.  

Tudo o que sabemos sobre:
tremor de terraBelo Horizonte

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.