Nilton Fukuda/AE
Nilton Fukuda/AE

Número de acidentes e feridos nas rodovias federais cai ante carnaval 2011

Foram registradas 1984 ocorrências de sexta-feira a domingo, uma retração de 27,4%; montante de feridos e de mortes caiu 29,4% e 9,6%

Equipe AE,

20 Fevereiro 2012 | 16h00

As rodovias federais tiveram menos acidentes de trânsito no feriado prolongado de carnaval deste ano perante 2011, resultando em um número inferior de pessoas feridas e vítimas fatais, conforme balanço da Polícia Rodoviária Federal (PRF), divulgado nesta segunda, 20.

 

Foram registradas 1984 ocorrências de sexta-feira a domingo, retração de 27,4%. O número de feridos e o de mortes caiu 29,4% e 9,6%, nesta ordem e na mesma base de comparação.

 

Apenas dois acidentes graves responderam por um quinto dos óbitos. Um aconteceu em Goiás, neste último sábado, 18. Dois ônibus de turismo se chocaram na BR 153, provocando a morte de 14 passageiros, além de dezenas de feridos.

 

Já na BR 349, no município de São Félix (BA), uma colisão frontal de um carro de passeio com um ônibus causou a morte de oito dos nove ocupantes do carro. De acordo com a Polícia Rodoviária, o carro "estava superlotado" e "indícios levantam a hipótese de que o motorista dormiu ao volante".

 

Durante os três primeiros dias da "Operação Carnaval", os agentes da Polícia Rodoviária Federal fiscalizaram mais de 80 mil veículos e emitiram 31 mil multas. Cerca de 15 mil motoristas assopraram o bafômetro, 701 foram reprovados e impedidos de seguir viagem dirigindo. Destes, 276 foram presos no momento da fiscalização, por crime de trânsito, segundo o boletim da polícia.

 

Além disso, os policiais rodoviários federais apreenderam 700 quilos de cocaína, 328 quilos de maconha e crack suficiente para mais de três mil pedras.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.