O frio está voltando. E o tempo piora no feriado em SP

A frente fria que conseguiu furar o bloqueio do ar quente e seco sobre o Sudeste formou muitas nuvens, mas trouxepouca chuva. A partir de agora, fica mais fácil outras frentes frias - mais fortes e organizadas - conseguirem avançar, já que o ar está mais úmido. E, segundo o meteorologista da empresa Climatempo, Alexandre Nascimento, isso deve acontecer, em São Paulo, no feriado de 9 de julho, quando chega outra frente, trazendo instabilidades e baixando a máxima para 19 graus durante a tarde.Hoje, a umidade que não estava chegando a 50% nos últimos dias subiu para 84% e a temperatura baixou um grau em relação à tarde ontem, descendo para 23,3 graus, às 15 horas, na estação do Instituto Nacional de Meteorologia, no Mirante de Santa de Santana, na zona norte da cidade de São Paulo. No início da semana passada, a máxima chegou a 27,6 graus. As mínimas continuam estáveis nos próximos dias, em torno de 16 graus.Amanhã, o vento traz umidade do mar para o leste, entre a capital e o litoral, deixando o céu nublado, com chuviscos aoamanhecer e aberturas de sol à tarde. O sol aparece entre muitas nuvens no interior. O dia fica ensolarado na quarta-feira em todas as áreas, com névoa ao amanhecer na capital e no litoral. Na quinta-feira, a umidade volta a aumentar com a aproximação da frente fria e chove à tarde no oeste e no sul. É na sexta-feira que o tempo fecha e começa a esfriar em quase todo o Estado, exceto no norte. O fim de semana fica frio e com muita nebulosidade, abrindo aos poucos a partir do interior.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.