OAB critica FHC por defender revista de advogados

O presidente ncional da OAB, Rubens Approbato, criticou, por meio de nota, à proposta do presidente Fernando Henrique Cardoso feita ontem, de que os advogados devem ser submetidos à revista nos presídios, pondo fim ao privilégio. Para o presidente da OAB os advogados não encaram essa questão como privilégio, mas uma exigência constitucional. A nota acrescenta que não se deve responsabilizar genericamente o profissional pela infiltração de armas e telefones celulares nas prisões. A OAB, lembrou Approbato, já se manifestou publicamente que não se opõe à revista eletrônica, como ocorre nos aeroportos. Além disso defende a revista, no preso, antes e depois da audiência com o advogado. Em relação ao advogado que se envolve com atividades ilegais do preso, Approbato lembrou que a Ordem tem sido "implacável" na aplicação das penas previstas no Código de Ética, como a perda do direito de exercício da profissão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.