OAB quer retorno de 233 presas no Pará

A Ordem dos Advogados do Brasil recomenda "retorno urgente" das 233 mulheres transferidas para Belém depois que a adolescente L. ficou presa com homens em Abaetetuba. Foi determinada a transferência de presas de celas com homens, mas delegados mandaram também as de celas separadas - diz a OAB, em represália ao afastamento de policiais.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.