Obra do Metrô com 35m de profundidade por pouco não engole carro

Uma jovem, de 25 anos, que estava dentro de um carro, escapou, no final da madrugada de terça-feira, de cair em um buraco com cerca de 35 metros de profundidade aberto no canteiro de obras da linha 4 (amarela) do Metrô, no cruzamento entre a Rua Oscar Freire e a Avenida Rebouças, região dos Jardins, na zona sul da capital paulista.A vítima, que dirigia um Corsa preto, placas CPP 2705/SP, trafegava pela Rua Oscar Freire e cruzava a Rebouças quando foi atingida lateralmente por uma picape Ford Ranger, placas CER 2004/SP, que descia a avenida. O Corsa acidentado atravessou a avenida e invadiu o canteiro de obras, derrubando os tapumes de madeira.A poucos metros do buraco onde está sendo construída a estação, o veículo parou. A motorista do Corsa foi levada em estado grave para o pronto-socorro do Hospital das Clínicas, localizado ao lado. Ainda não se sabe de quem foi a responsabilidade pelo acidente.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.