Obra na pista de Cumbica deve ser entregue esta semana

A segunda etapa da obra de recuperação da pista do Aeroporto de Cumbica, em Guarulhos (São Paulo), deverá ser entregue até o fim de semana, conforme previsão da Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária (Infraero). Em reunião no Planalto, a ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, e o ministro da Defesa, Nelson Jobim, foram informados de que as obras estão adiantadas.No dia 29, a Infraero havia adiado pela segunda vez a liberação parcial da pista principal, que está fechada para pousos e decolagens desde 20 de agosto, por força da primeira fase de obras de recuperação do asfalto. Dois terços da pista de 3.700 metros já foram recuperados e se realizaram obras em uma das cabeceiras e no meio da pista. Agora, com a conclusão desse serviço, as obras serão suspensas, para não atrapalhar o movimento no período de alta estação e de grande tráfego no aeroporto de Guarulhos. Enquanto a pista principal continua fechada, Cumbica opera apenas com a pista secundária, com 3 quilômetros de extensão. Há fissuras na principal, por conta dos quase 20 anos de uso contínuo.GROOVINGEm abril, conforme o cronograma do governo, as obras serão reiniciadas e finalizadas em 90 dias - concluindo, assim, os 3.700 metros de recapeamento da pista. As obras foram iniciadas em agosto e estavam orçadas em R$ 11 milhões. Quando estiver totalmente remodelada, a pista deverá contar com grooving (ranhuras que escoam a água e aumentam o grau de aderência dos aviões durante o pouso) e com duas saídas de emergência ou alta velocidade que não existiam.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.