Ocorrências com armas de fogo caem 34% no PR

Desde janeiro, 17 mil armas foram arrecadadas pela Campanha de Desarmamento no Estado do Paraná. E o índice de ocorrências relacionadas a armas de fogo caiu 34%. Os resultados foram apresentados a cerca de 500 pessoas que participaram ontem do seminário Desarmamento: Menos Armas, Mais Vidas, promovido pela Secretaria estadual de Segurança Pública.No Paraná, qualquer cidadão que quiser aderir à campanha deve levar sua arma de fogo a uma delegacia de polícia. Em troca, o governo estadual paga uma recompensa de R$ 100,00. Os policiais que apreenderem armas também recebem a quantia.No final do encontro de ontem, os participantes elaboraram uma carta de intenções que será enviada ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva e ao ministro da Justiça, Márcio Thomaz Bastos. Entre as propostas está a de apoio a uma campanha de desarmamento infantil, idealizada pelo Movimento HipHop de Curitiba, que assinou convênio com a Secretaria de Segurança. O objetivo é fazer com que as crianças entreguem suas armas de brinquedo em troca de outros tipos de brinquedo. No Brasil, segundo estatísticas divulgadas pela Organização das Nações Unidas (ONU), quatro pessoas morrem por dia em conseqüência de uso de armas de fogo. As informações são da Agência Brasil. As informações são da Agência Brasil.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.