Ônibus de sacoleiros ataca carro da Receita e fere 3 servidores

Três servidores da Receita Federal em Foz do Iguaçu ficaram feridos na madrugada deste domingo em um possível atentado, quando tentavam interceptar um ônibus para ser vistoriado. O motorista do ônibus, Djalma dos Santos, de 33 anos, morador em Santo André (SP), foi preso em flagrante, mas os 12 passageiros que estavam no veículo conseguiram fugir. Segundo a Receita, os técnicos realizavam diligências em Santa Terezinha do Itaipu, na região de fronteira, quando observaram o ônibus parado em uma rua. Ao se aproximarem com um automóvel, o ônibus acendeu os faróis e partiu para cima do veículo. Um dos servidores da Receita teve sérias contusões no rosto.O motorista do ônibus tentou fugir, mas foi parado pela Polícia Rodoviária Federal. Os passageiros fugiram. Santos foi levado preso à Polícia Federal, em Foz do Iguaçu. Ele disse que estava indo para São Paulo com 12 passageiros e grande volume de mercadorias. Foi indiciado por tentativa triplamente qualificada de homicídio, contrabando, formação de quadrilha, dano ao patrimônio público e desobediência.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.