Divulgação
Divulgação

Ônibus desativado há 3 anos servirá para triagem de presos no RS

Objetivo é reduzir o número de detentos que aguardam vagas no sistema prisional em celas de delegacias e viaturas

Lucas Azevedo, Especial para O Estado

22 Novembro 2016 | 18h40

PORTO ALEGRE - A Secretaria de Segurança Pública do Rio Grande do Sul confirmou, na tarde desta terça-feira, 22, um dos anúncios que devem ser feitos pelo secretário da pasta, Cezar Schirmer, nesta quarta. Trata-se da reutilização de um ônibus-cela de mais de 20 anos, desativado em 2013, que servirá para a realização de triagem de presos, reduzindo o número de detentos que aguardam vagas no sistema prisional em celas de delegacias e viaturas.

Conforme a pasta, o veículo já foi utilizado para transporte de apenados. O objetivo é otimizar o espaço do veículo, exclusivamente, para realização de triagem. Apelidado de "Trovão Azul", ele foi reformado e tem espaço para cerca de 40 presos.

Desde o fim de semana, o governo promete uma medida emergencial para falta de vagas a presos. A promessa para o anúncio desta quarta falava de uma "alternativa ao micro-ônibus". A divulgação havia sido feita após presos depredarem um veículo onde estavam detidos há mais de 24 horas, dentro do pátio do Palácio de Polícia, na capital, no sábado.



Na ocasião, Schirmer não quis adiantar quais serão as alternativas tomadas, já que os contêineres que serão empregados como celas provisórias devem operar apenas no fim de dezembro.

A utilização de micro-ônibus como carceragem estava descartada depois do incidente de sábado. Desde então, os presos ficam em viaturas da Brigada Militar, como já vinha acontecendo.

Mais conteúdo sobre:
PORTO ALEGRE

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.