Ônibus são incendiados em Vitória

Dois ônibus foram incendiados na Grande Vitória na noite de quinta-feira, elevando para sete o número de coletivos queimados no Espírito Santo este ano. O ato de vandalismo aconteceu em Vila Velha, horas depois de a polícia ter detido um garoto de 16 anos, suspeito de envolvimento nos crimes. O policiamento dentro dos veículos e nos terminais rodoviários foi reforçado.O secretário de Segurança Pública, Evaldo Martinelli, disse que os incêndios estariam relacionados a um plano de fuga de presos da Casa de Custódia, em Viana, descoberto pela polícia. Ele contou que dois detentos, Tobias Claudino Nascimento e Wanderson de Oliveira Moreira, foram identificados como mandantes dos ataques aos ônibus. Eles foram transferidos da Casa de Custódia para a sede da Polícia Federal no Estado.Em novembro de 2004, dez coletivos foram incendiados no período de dez dias. No ano passado, os ataques se repetiram.

Agencia Estado,

03 de março de 2006 | 22h22

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.