Operação em favelas do Rio deixa 2 mortos e 1 preso

SÃO PAULO - Duas pessoas morreram e uma pessoa foi presa nesta quinta-feira, 9, durante operação da Polícia Militar em favelas da zona oeste do Rio.

Solange Spigliatti - Central de Notícias,

09 de dezembro de 2010 | 11h25

 

Além da prisão de Charles Lúcio C. Ramos, foram apreendidos duas pistolas, um rádio transmissor e drogas. A operação foi deflagrada nas favelas da Coreia, em Senador Camará, Vila Aliança, em Bangu, e Vila Kennedy.

 

A Polícia Civil,  junto com a PM, também desencadeou operações em outras favelas da cidade. Segundo a Polícia, cerca de 100 homens de várias delegacias especializadas, comandados pela Delegacia de Repressão a Crimes Organizados (Draco), estão no conjunto habitacional Antares e na Favela do Rola, em Santa Cruz, na zona oeste do Rio.

 

Os policiais cumprem 23 mandados de prisão e dez de busca e apreensão contra traficantes que fugiram do conjunto de favelas do Alemão após a ocupação da polícia. Eles contam com o apoio de veículos blindados e de um helicóptero. Mauridice Aguiar Junior, supsoto gerente do tráfico na favela do Rolo, suposto gerente do tráfico, foi preso e outros dois menores foram apreendidos.

 

Já a Polícia Militar faz operação em favelas da Vila Aliança, em Bangu. A PM ainda não tem informações sobre o resultado da operação.

Tudo o que sabemos sobre:
Riooperaçãofavelas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.