Operação policial prende duas quadrilhas de traficantes no RS

Uma operação policial prendeu 15 pessoas de duas quadrilhas de narcotraficantes que agiam em cinco municípios das regiões central e oeste do Rio Grande do Sul, nesta quinta-feira. As primeiras prisões foram efetuadas em Santiago, durante a manhã.Também foram detidos suspeitos em São Borja, Santa Maria, São Francisco de Assis e Nova Esperança. O delegado deSantiago, Menito Sarturi, disse que os criminosos dos dois grupos agiam em conjunto e tinham como carro-chefe o tráfico de drogas, mas também praticavam roubos de arroz, soja, agrotóxicos e receptação de objetos roubados.Antes das prisões desta quinta-feira, a polícia já havia detido três participantes do mesmo esquema criminoso no início da semana. A operação contou com a participação da Brigada Militar (a polícia militar gaúcha), da Polícia Civil e do Ministério Público Estadual. O promotor Luiz Antônio Barbará Dias, que coordenou a investigação durante seis meses, revelou que muitas informações saíram de depoimentos de usuários de drogas que eram clientes dos traficantes. A partir dos dados iniciais, a Justiça autorizou escutas telefônicas que acabaram comprovando a relação do narcotráfico com os outros delitos praticados na região. Constatada a participação dos traficantes, emitiu os mandados de prisão que os policiais cumpriram nesta semana.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.