Operário é morto em queda de trator

O operador de máquinas Geraldo Borges de Oliveira, de 35 anos, morreu esmagado por um trator de esteira enquanto trabalhava nas obras de construção de um túnel no quilômetro 95 da Rodovia Raposo Tavares, em Sorocaba. Oliveira manobrava o trator para fazer a decapagem de um barranco com cerca de 15 metros de altura, quando o terreno cedeu e a máquina despencou. Testemunhas disseram que a máquina aproximou-se demais da borda do barranco. O operador trabalhava para uma empreiteira, contratada pela concessionária Viaoeste, que administra a estrada. As obras do túnel complementam a duplicação da rodovia, já executada entre Sorocaba e Araçoiaba da Serra.

Agencia Estado,

25 de abril de 2001 | 17h29

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.