Operário morre após cair de 15 andares em obra de Fortaleza (CE)

Vítima passava por uma tábua de madeira que protegia o fosso do elevador da obra quando a madeira não resistiu e o trabalhador caiu

Solange Spigliatti, do estadão.com.br,

08 Novembro 2011 | 13h40

SÃO PAULO - Um trabalhador da construção civil, de 54 anos, morreu na manhã desta terça-feira, 8, ao cair de uma altura de 15 andares da obra de um edifício, no Bairro de Fátima, em Fortaleza, no Ceará. Segundo o Sindicato dos Trabalhadores da Indústria da Construção Civil da Região Metropolitana de Fortaleza, esta é a terceira morte de funcionários em 5 dias na cidade.

O funcionário passava por uma tábua de madeira que protegia o fosso do elevador da obra da Construtora Mota Machado quando a madeira não resistiu e o trabalhador caiu de uma altura de 15 andares, morrendo no local. De acordo com o sindicato, a queda se deu por falta de proteção no fosso do elevador.

Outras duas mortes ocorreram em Fortaleza e região metropolitana nos últimos cinco dias. Na sexta-feira, 4, um operário morreu na obra do Centro de Convenções, no bairro Dionísio Torres. Outro caso aconteceu na segunda, em obra do programa Minha Casa, minha vida, no bairro Jurema, em Caucaia, região metropolitana.

Segundo o sindicato, também nesta terça um outro trabalhador foi levado em coma para o Hospital José Frota após ser atingido por uma escora de ferro, que caiu do 10ºandar de uma obra, em Aldeota. Este ano, segundo o sindicato, foram registradas 20 mortes de operários em obras de Fortaleza e Região Metropolitana.

Mais conteúdo sobre:
queda elevador ceará operário obra

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.