Paciente é morto com sete tiros dentro de hospital em BH

Vítima de 29 anos se recuperava de ferimento a bala em unidade; grupo rendeu o porteiro e seguranças antes de invadir quarto

Leonardo Augusto , Especial para O Estado de São Paulo

01 Agosto 2015 | 15h10

Belo Horizonte – Um paciente do Hospital Risoleta Neves, em Venda Nova, região norte de Belo Horizonte, foi assassinado a tiros na madrugada deste sábado, 1º, dentro do quarto em que se recuperava de um ferimento a bala. A vítima foi identificada como Jackson Douglas Santos Ferreira, de 29 anos.

Segundo a Polícia Militar, quatro homens invadiram o hospital por volta das 2h, renderam o porteiro, os seguranças e se dirigiram ao quarto em que Ferreira estava internado, no quarto andar. Testemunhas disseram que os homens afirmaram na entrada que iriam “resolver uma rixa entre bandidos”.

Ferreira morreu com sete tiros na cabeça. Ainda segundo a PM, a vítima havia dado entrada no hospital no último dia 27 com ferimento de arma de fogo. Ele relatou ter sido alvejado quando saía de casa, também em Venda Nova, por homens que atiraram de dentro de um carro.

Até o momento ninguém foi preso. O hospital vai repassar à Polícia Civil, responsável pelas investigações, imagens gravadas por câmeras do hospital do momento da entrada do grupo na unidade de saúde. 

Mais conteúdo sobre:
crime hospital

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.