Padre engravida jovem em Santa Catarina

Mais um escândalo sexual na Igreja Católica brasileira. O padre Adelino de Souza Matildes, de 34 anos, admite ter engravidado uma jovem em Imbituba, no Sul de Santa Catarina. Ele foi ordenado padre na paróquia do município de Braço do Norte, também no Sul do Estado, em agosto do ano passado. O bispo da cidade de Tubarão, Dom Hilário Moser, que responde pela paróquia, diz que a moça é maior de idade, e está no quarto mês de gestação. O padre deixou Braço do Norte no sábado, assim que a notícia veio à tona. O bispo de Tubarão também não foi encontrado hoje, mas em entrevista ao jornal A Notícia dom Hilário disse que o padre pediu para se afastar por algum tempo, e que não sabe do seu paradeiro. O sacerdote deve retornar na próxima semana, quando decidirá se continua ou não na vida religiosa. Dom Hilário adianta que, se o padre quiser continuar sua missão religiosa, a Igreja irá aceitá-lo sem problema algum. O bispo avisa que o padre não fugirá da responsabilidade, que já se mostra arrependido e pretende dar o apoio necessário à jovem. Na entrevista, dom Hilário deixa claro que é a favor do celibato sacerdotal.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.