Pai e mãe matam bebê por asfixia em São Paulo

Um bebê foi morto por asfixia pelos próprios pais na noite desta terça-feira, 4, em São Paulo. De acordo com a Secretaria Estadual de Segurança Pública, o crime aconteceu no bairro do Ipiranga, zona sul da cidade. Depois que deu à luz, no banheiro da casa, a mãe, de 19 anos, chamou o suposto pai, um adolescente de 14 anos, e, depois de conversarem, decidiram matar a criança.Inicialmente, os dois jogaram grande quantidade de água sanitária no recém-nascido. Em seguida, colocaram o bebê em alguns sacos plásticos e o esconderam num armário da residência. A criança não resistiu e morreu asfixiada. A mãe da criança passou mal e foi parar no Hospital Ipiranga, na Avenida Nazaré, onde a história foi revelada. A garota foi presa em flagrante e indiciada em inquérito por infanticídio. O suposto pai, por ser menor, foi encaminhado à Febem.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.