Pai que abusava sexualmente da própria filha é preso no Rio

Enquadrado na Lei Maria da Penha, acusado já tinha 3 anotações criminais por porte de drogas, roubo e furto

Solange Spigliatti, estadao.com.br

15 de janeiro de 2009 | 07h51

A polícia do Rio prendeu em flagrante nesta quarta-feira, 14, Marcos Moreira da Silva, de 34 anos, acusado de violentar a filha, de 11 anos, e por ter ameaçado de morte com uma faca sua companheira, depois que ela registrou o abuso. De acordo com a polícia, a mãe da menor foi à 58ª Delegacia, em Posse, e registrou o abuso sexual praticado por Marcos contra a filha do casal desde os sete anos. Ao saber que sua companheira havia feito o registro, ele a ameaçou de morte. A mulher voltou à delegacia e os policiais foram a sua casa, no bairro Cerâmica, em Nova Iguaçu, e prenderam Marcos em flagrante, com base na lei Maria da Penha. Segundo os policiais que o prenderam, será pedida a Justiça a prisão temporária de Marcos pelos crimes de estupro e atentado violento ao pudor. Ele já tem três anotações criminais por porte de drogas, roubo e furto.

Tudo o que sabemos sobre:
abusopaifilhaRio

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.