Pais de estudante desaparecido suspeitam de seqüestro

Os pais do estudante de engenharia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) Leonardo Bier de Cicco, desaparecido desde a manhã de segunda-feira, estiveram hoje no Palácio Guanabara para pedir à governadora Benedita da Silva que a Delegacia Anti-Seqüestro (DAS) entre no caso. Cleci e Gaetano de Cicco querem ser orientados sobre como proceder no caso de contato por parte de criminosos. Leonardo saiu de casa, no Leme, zona sul, na manhã de segunda, para ir à praia e não voltou. Ele estava descalço e vestia apenas um short. O Corpo de Bombeiros encerrou na quinta-feira buscas que vinham sendo feitas com lanchas e helicópteros e descartou a hipótese de afogamento.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.