Pane elétrica desvia rota de avião da Gol em Manaus

Luzes da pista ficaram apagadas por 10 minutos e vôo que vinha do Acre teve atraso de duas horas

Solange Spigliatti e Fabiana Marchezi, estadao.com.br

12 de setembro de 2008 | 13h34

Uma pane elétrica no aeroporto de Manaus desviou vôos no fim de quinta-feira, 11. O vôo 1938 da Gol Linhas Aéreas, que vinha de Cruzeiro do Sul, no Acre, para o Aeroporto Internacional Eduardo Gomes, em Manaus, com 179 passageiros foi alternado para o aeroporto militar de Ponta Pelada, também em Manaus, por volta das 20h10 (horário de Brasília).   As luzes de auxílio ao longo de toda a pista ficaram apagadas por cerca de 10 minutos, prejudicando o pouso do avião. Com o desvio, o vôo ficou atrasado em duas horas, segundo informações da assessoria da Gol. O Centro de Comunicação da Aeronáutica (Cecomsaer) informou que o problema foi solucionado em cerca de 40 minutos, depois que os técnicos da Aeronáutica e da Infraero providenciaram checagem de todo o sistema.   De acordo com a assessoria da Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária (Infraero) de Manaus, o problema ocorreu na torre de controle da FAB. Outro vôo que pousaria no terminal foi desviado também para Ponta Pelada e outras duas aeronaves aguardaram em vôo e, assim que o sistema foi restabelecido, aterrissaram no próprio Eduardo Gomes.   Atualizado às 16h46 para acréscimo de informações

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.