EFE/EPA/GIUSEPPE LAMI
EFE/EPA/GIUSEPPE LAMI

Papa Francisco convoca Sinodo para Amazônia

Decisão do pontífice atende a pedidos das conferências episcopais de vários países

Jose Maria Mayrink, Enviado especial a cidade do Vaticano

15 Outubro 2017 | 14h25

VATICANO - O papa Francisco anunciou a convocação de um Sinodo de Bispos para a Amazônia, nesta manhã de domingo, 15, durante a  missa de canonização de 30 mártires brasileiros, na Praça de São Pedro. O Sinodo vai se reunir em Roma, em outubro de 2019.

"Que os santos hoje canonizados intercedam pelo êxito do Sinodo", disse Francisco, referindo-se especialmente aos mártires brasileiros. 

Foram declarados santos também 3 jovens  mexicanos martirizados no século 16, um padre espanhol e um frade italiano,

        

O Sinodo discutirá os desafios da região amazônica, especialmente a questão dos indígenas e a preservação das florestas. O anúncio surpreendeu até o cardeal d. Claudio Hummes, arcebispo emérito de São Paulo e atual presidente da Comissão da Amazônia, da Conferencia Nacional dos Bispos do Brasil(CNBB).         

Francisco afirmou que está convocando o Sinodo em atendimento a pedido de conferências episcopais de vários países. O Sinodo de Bispos é uma reunião que debate questões desafiadoras para a Igreja e apresenta sugestões ao papa. Além de eclesiásticos, leigos e especialistas podem ser convidados a participar dos debates.

Veja a as fotos da cerimônia na Praça de São Pedro do Vaticano

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.