Para não perder o costume, teve corrida no dia do aniversário

São Paulo amanheceu correndo para comemorar seu aniversário. Às 8 horas de hoje, 9.200 pessoas participaram do 7º Troféu Cidade de São Paulo e do 1º Circuito Banco Real de Corridas de Rua. O trajeto, de 10 quilômetros, abrangeu as imediações do Parque do Ibirapuera, principalmente a Avenida 23 de Maio. Os praticantes de caminhada fizeram a metade do percurso. Os corredores Franck Caldeira e EdnalvaLaurgano foram os vencedores das categorias masculina e feminina.O engenheiro Mateus Silva Soares, de 34 anos, e sua mulher, Flávia, acordaram às 6 horas para não perder a hora da largada. ?A gente até que ia ao show do Caetano, mas foi muito tarde e não daria para corrermos. Preferimos prestar nossa homenagem à cidade por meio do esporte?, contou o engenheiro. ?Aqui é o cenário ideal para a corrida. Acho que o Ibirapuera é o lugar da cidade que os paulistanos se sentem mais à vontade?, disse Flávia.A opinião foi compartilhada pelo professor de matemática Arnaldo César Carvalho, de 41 anos, morador de Moema. ?Corro aqui pelo menos três vezes por semana e não poderia deixar de vir para a corrida. Vai ser emocionante?, afirmou.O operador de telemarketing Marcelo Reis, de 23 anos, queria mesmo chamar a atenção e era um dos mais engraçados. Foi vestido com a roupa do personagem Chapolim e ainda colocou um pedaço de melancia de plástico na cabeça. ?Quero mais é aparecer, não estou nem aí para o tempo que vou fazer?, contou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.