Paraguai anuncia prisão de quatro criminosos brasileiros

Os quatro brasileiros, em cujas casas não foram encontradas drogas, serão expulsos do país, dizem autoridades

EFE,

06 de dezembro de 2008 | 13h56

Agentes antidrogas paraguaios detiveram na noite desta sexta-feira, 5, quatro pessoas que seriam membros de uma conhecida facção criminosa do Rio de Janeiro, informaram fontes oficiais. O grupo foi detido na cidade da Encarnación, 370 quilômetros ao sul de Assunção, na fronteira com a Argentina.   Em nota, a Secretaria Nacional Antidrogas (Senad) comunicou a detenção de Sérgio de Souza, de 33 anos, que seria procurado pela Justiça brasileira pelos crimes de narcotráfico e homicídio; e de Rodrigo Rosa de Oliveira, 31, condenado por tráfico de drogas.   Também foram detidos Tiago Cordeiro, de 19 anos e que possui antecedentes por tráfico, e Danilo de Souza, 27, que também é procurado pela Justiça por tráfico de entorpecentes. Todos eles seriam de uma facção criminosa que trafica drogas e armas no Rio de Janeiro.   A Senad explicou que os quatro brasileiros foram detidos no estacionamento de um movimentado estabelecimento comercial de Encarnación.   O órgão também destacou que a detenção do grupo foi fruto de uma investigação iniciada depois que a Polícia Federal brasileira alertou para a presença dos criminosos na cidade paraguaia.   O comunicado da Senad diz ainda que os quatro brasileiros, em cujas casas não foram encontradas drogas, serão expulsos do país por estarem em "situação irregular" e por serem muito perigosos.

Tudo o que sabemos sobre:
narcotráficoparaguairio

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.