Paraná cria polícia especial para patrulhar fronteira

Base terá comando instalado em Guaira e vai ter apoio de barcos, caminhonetes e de helicóptero

Evandro Fadel, O Estado de S. Paulo,

16 Julho 2009 | 16h46

O governo do Paraná instalou nesta quinta-feira, 16, em Guaira, a cerca de 640 km de Curitiba, uma companhia independente de polícia com o objetivo de apoiar o trabalho da Polícia Federal no combate aos crimes na fronteira entre o Brasil e o Paraguai, particularmente o narcotráfico e o contrabando de armas.

 

"A missão é da Polícia Federal, mas estamos dando um reforço grande tanto em pessoal quanto em equipamentos", disse o comandante geral da Polícia Militar do Paraná, coronel Anselmo José de Oliveira.

Segundo ele, as ações policiais contarão com o auxílio de barcos, caminhonetes e de um helicóptero do governo estadual, que ficará permanentemente na região. O comando instalado em Guaira contará com uma sede de apoio em Santa Helena.

 

Foram destacados 80 policiais para esse trabalho. "São todos voluntários e farão um serviço de sacrifício", afirmou Oliveira. Eles terão regime especial de trabalho, ficando o tempo todo à disposição do comando.

 

Em razão da situação de maior perigo existente na fronteira, os familiares não devem residir no mesmo local e os policiais terão alguns dias de folga no mês para visitá-los.

Mais conteúdo sobre:
tráfico PR fronteira Força Alfa

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.