Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Paraná tem alerta sobre risco de enchentes e alagamentos

Risco de enxurradas, enchentes e alagamentos continua elevado, segundo o Instituto Tecnológico Simepar

Agência Brasil,

28 de setembro de 2009 | 11h57

A previsão é que as chuvas continuem nesta segunda-feira, 28, no Paraná. As chuvas devem vir com intensidade moderada a forte. O risco de enxurradas, enchentes e alagamentos continua elevado. Informações do Instituto Tecnológico Simepar, do Paraná, indicam que a nebulosidade é intensa no oeste e sudoeste do estado e no norte do Rio Grande do Sul. Na madrugada desta segunda, um forte temporal atingiu essas regiões do Paraná com ventos fortes e granizo.

 

Veja também:

link Em SC, 20 mil pessoas de 23 cidades são afetadas pelo temporal

link Temporal coloca cidades do Sul do Brasil em estado de alerta

link Após fim de semana quente, frente fria muda o tempo em SP

 

O Simepar alerta que o volume de chuvas será bastante significativo nas próximas horas na metade sul do Paraná, principalmente no decorrer da manhã. No domingo, ventos com velocidade de 80 km/h atingiram o município de Ibiporã, situado a 14 km de Londrina.

 

A cidade ficou sem energia elétrica. Segundo Defesa Civil, as rajadas de vento destelharam 100 casas, além de lojas comerciais. Um posto de gasolina perdeu a cobertura. O único hospital da cidade também teve parte do teto destelhado e ficou sem luz. Não há registro de feridos, mas pacientes tiveram que ser transferidos para hospitais da região.

 

Os ventos causaram destruição também em Londrina, onde 50 casas foram atingidas, e em Pato Branco, onde 20 residências sofreram danos.

 

Na capital, os forte ventos ocasionaram a queda da cobertura da Sociedade Hípica Paranaense, deixando 11 pessoas feridas. De acordo com a Defesa Civil, elas foram atendidas nos hospitais Cajuru, Evangélico e do Trabalhador, mas nenhuma em estado grave. Outro registro foi o de uma casa que ficou totalmente destruída com a queda de um pinheiro.

 

O Paraná tem oito municípios em situação de emergência devido as chuvas dos últimos dias. De acordo com a Defesa Civil, o município de Ibiporã também deve entrar na lista, devido aos prejuízos causados pelo temporal.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.