Paraquedista morre ao saltar em Juiz de Fora-MG

Segundo os bombeiros, corda que libera a abertura do paraquedas nem chegou a ser puxada

Solange Spigliatti, do estadão.com.br

17 de maio de 2010 | 09h35

Um paraquedista morreu na tarde deste domingo, 16, ao saltar de uma altura de cerca de 1,5 mil metros, em Juiz de Fora, na Zona da Mata Mineira. Ari José Borges, de 45 anos, que tinha uma experiência de mais de 500 saltos, caiu em uma casa no bairro Aeroporto, por volta das 16 horas.

 

Segundo o Corpo de bombeiros, o paraquedas de Ari não abriu e ele desceu em queda livre. O paraquedista sofria de diabetes e, segundo os bombeiros, ele pode ter passado mal durante o salto, pois nem chegou a puxar a corda que libera a abertura do paraquedas. Ari era casado e tinha uma filha de 10 anos.

Tudo o que sabemos sobre:
acidenteparaquedasmorteMG

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.