Parque aquático no Rio fica fechado até quarta

O parque Rio Water Planet, na zona oeste do Rio, onde aconteceu um acidente na última quinta-feira, permanecerá fechado pelo menos até quarta-feira, quando haverá uma simulação do sistema de segurança e atendimento de emergência. Só então a prefeitura do Rio, a Defesa Civil e o Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura (Crea) decidirão se o estabelecimento pode voltar a funcionar. Na quinta-feira, o cabo de um teleférico rompeu-se e dez pessoas ficaram feridas. A prefeitura dará um prazo de três dias para todos os parques e casas de diversão da cidade apresentarem a documentação relativa à segurança. Segundo a Coordenadoria de Licenciamento e Fiscalização (CLF), cerca de 3.500 mil casas de diversão (cinemas, teatros, boates, bares, entre outras) e 50 parques (grandes e pequenos) serão visitados por 383 fiscais em uma semana.Hoje, equipes da prefeitura, Defesa Civil, Instituto Carlos Éboli e Crea fizeram um teste de carga no brinquedo acidentado e vistoriaram o parque. Segundo a CLF, o Rio Water Planet não tinha o documento da vistoria dos bombeiros relativo a 2000.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.