Parque do Povo abre oficialmente as portas ao público neste domingo

Antes mesmo de ser inaugurado oficialmente, o Parque do Povo, na zona sul de São Paulo, já foi aprovado pelos freqüentadores. Com 112 mil metros quadrados, o espaço será completamente aberto ao público neste domingo. A área, antes ocupada por barracos e o Circo Escola Picadeiro, agora tem gramados, pistas de cooper e ciclismo, pequenos bosques e três quadras. "Ficou muito bonito. Trabalho próximo ao parque e o caminho de volta para casa ficou mais agradável", disse o impermeabilizador Franciel Seles, de 40 anos.As pistas já podem ser utilizadas. Ainda sem vestiários, equipamentos de segurança e iluminação apropriados, as quadras estão fechadas, mas passarão a funcionar a partir da próxima semana. Os aparelhos de alongamento e outros exercícios já rendem elogios. "Os equipamentos instalados são superiores aos dos parques que freqüento, como Ibirapuera e Villa-Lobos", disse o tradutor Fernando Sekeres, de 43 anos.O secretário das Subprefeituras, Andrea Matarazzo, afirmou que houve preocupação com a qualidade dos equipamentos para garantir acesso e aproveitamento de todos. "Buscamos também criar paisagismo que facilite o acesso de deficientes físicos e visuais."Cerca de 80 famílias foram removidas do terreno, ocupado por 30 anos. Depois de 20 anos, em 2006, a disputa judicial teve fim. Um espaço de cerca de 8 mil m² ainda é mantido por força de liminar. Segundo Matarazzo, em breve o trecho será incorporado ao parque.

Lais Cattassini, JORNAL DA TARDE, O Estadao de S.Paulo

24 de setembro de 2008 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.