Passageiros ateiam fogo em trem no Rio de Janeiro

Reação aconteceu devido à interrupção do funcionamento do sistema

Marcelo Gomes, O Estado de S. Paulo

03 Setembro 2013 | 09h56

RIO - Passageiros atearam fogo a um trem que estava parado na estação de Quintino (zona norte do Rio de Janeiro), próxima à estação Engenho de Dentro. Alguns equipamentos da composição foram incendiados em represália contra a interrupção da circulação no ramal de Santa Cruz nesta manhã.

A concessionária acionou o Corpo de Bombeiros para apagar as chamas. Policiais militares do Grupamento de Polícia Ferroviária também já estão no local. Por medida de segurança, todas as estações dos ramais Deodoro e Santa Cruz estão fechadas.

Um trem que seguia de Santa Cruz (zona oeste do Rio) para a estação Central do Brasil (centro) apresentou problema mecânico quando partia da estação Engenho de Dentro (zona norte), e parou com três carros fora da plataforma de embarque, por volta das 8h desta terça-feira (03).

De acordo com a SuperVia, concessionária que opera os trens suburbanos no Rio de Janeiro, os passageiros foram orientados a descer da composição na linha férrea e caminhar por um trecho de 60 metros até a plataforma Engenho de Dentro. No entanto, várias pessoas permaneceram na via, impedindo a retomada da circulação dos trens no ramal de Santa Cruz.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.