Pastor chega à Benfica para tentar acabar com motim

No terceiro dia de negociação com os presos rebelados na Casa de Custódia de Benfica, na zona norte, a polícia ainda tenta acordo com os detentos para pôr fim ao motim. Por volta das 16 horas, chegou à prisão o pastor Robson Pereira da Silva, atendendo a uma exigência que os presos faziam desde ontem. Ele chegou de helicóptero acompanhado do coronel Francisco D?Ambrósio, comandante do Policiamento da Baixada Fluminense. O pastor é presidente da Igreja Evangélica Assembléia de Deus dos Últimos Dias, que fica em São João de Meriti, na Baixada. Ele teria participado de negociações em outras rebeliões e tem entre as seus fiéis parentes do traficante Márcio Nepomuceno dos Santos, o Marcinho VP, um dos principais chefes do Comando Vermelho, preso no Complexo Penitenciário de Bangu.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.