Renato Miura Rodeios
Renato Miura Rodeios

Peão de Itatiba (SP) vence final mundial de touros e ganha US$ 1 milhão em Las Vegas

Kaique superou lesão no joelho para vencer a prova. Influenciado pela família, o jovem começou a montar aos 12 anos

José Maria Tomazela, O Estado de S.Paulo

12 Novembro 2018 | 19h03

SOROCABA – Um peão do interior de São Paulo foi o campeão da 25.ª Professional Bull Riders, maior competição mundial de montaria em touros, encerrada neste domingo, 11, em Las Vegas, nos Estados Unidos. O jovem Kaique Pacheco de Oliveira somou o maior número de pontos e, além da fivela de ouro, o troféu de campeão, levou o prêmio de US$ 1 milhão, equivalente a cerca de R$ 4 milhões.

O jovem de Itatiba precisou superar uma lesão no joelho, dias antes da final, para vencer a prova. Ele competiu sentindo dores e deve ficar afastado das competições durante um tratamento que pode durar seis meses. Oliveira começou a montar aos 12 anos, influenciado pelos pais e avós, também peões. Aos 17 anos ganhou seu primeiro título.

Em 2015, ele foi campeão do torneio de Barretos, o mais importante do país. No ano seguinte, Caíque se mudou para o Estado americano do Texas para aperfeiçoar as técnicas. Sua família permanece em Itatiba.

Outros seis brasileiros estão entre os dez primeiros no ranking mundial este ano. O segundo colocado no torneio, José Vitor Lemes, de Lucas do Rio Pardo (MS), ganhou US$ 535 mil (mais de R$ 2 milhões). Além de Kaique, o Brasil levou o troféu do torneio outras nove vezes, como Adriano Moraes (1994, 2001 e 2006), Silvano Alves (2011, 2012 e 2014), Ednei Caminhas (2002), Guilherme Marchi (2008) e Renato Nunes (2010).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.