Pedágio na Rio-Niterói está mais caro

O Ministério dos Transportes autorizou reajuste de 17,65% nos preços do pedágio da ponte Rio-Niterói, no Rio de Janeiro. A autorização de reajuste, válida a partir de hoje, está publicada no Diário Oficial da União. Com a elevação das tarifas, o preço do pedágio passa a ser o seguinte para cada categoria de veículos: automóvel, caminhonete e furgão, R$ 2,00; caminhão leve, ônibus, caminhão trator e furgão (dois eixos), R$ 4,00; automóvel e caminhonete com semi-reboque (três eixos), R$ 3,00; caminhão, caminhão trator, caminhão trator com semi-reboque e ônibus (três eixos), R$ 6,00; automóvel e caminhonete com reboque (quatro eixos), R$ 4,00; caminhão com reboque e caminhão trator com semi-reboque (quatro eixos), R$ 8,00; caminhão com reboque e caminhão trator com semi-reboque (cinco eixos), R$ 10,00; caminhão com reboque e caminhão trator com semi-reboque (seis eixos), R$ 12,00; e motocicletas e bicicletas motorizadas R$ 1,00. Segundo a portaria 356 do minisztério, os valores tarifários foram calculados com base na Tarifa Básica de Pedágio e nos índices da Fundação Getúlio Vargas para os meses de maio e junho de 2001, projetados para agosto do mesmo ano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.