Pedro Britto vai a SC avaliar estragos no Porto de Itajaí

Porto serve de saída para exportação das carnes brasileiras; ministro da Secretaria Especial viaja dia 2

Fabíola Gomes, da Agência Estado,

26 de novembro de 2008 | 17h54

O ministro-chefe da Secretaria Especial dos Portos, Pedro Brito, anunciou nesta quarta-feira, 26, que pretende visitar o porto catarinense de Itajaí na próxima terça-feira, 2. Em nota, a assessoria da SEP informa que Brito estará acompanhado do Subsecretário de Portos, Fernando Victor, do coronel e assessor para Assuntos de Segurança Portuária, Jorge do Carmo Pimentel, e do diretor do Instituto Nacional de Pesquisas Hidroviárias, Domênico Accetta. A equipe da SEP irá avaliar os danos tão logo o Rio Itajaí volte à cota de normalidade.       Veja também: Lula sobrevoa áreas atingidas nesta quarta Temporão anuncia R$ 100 milhões para medida de socorro BRs-376 e 101 são parcialmente liberadas População pode consumir água de piscinas Cerca de 80 mil imóveis continuam sem luz Chuva deve continuar até sexta-feira Banco do Brasil anuncia ajuda a clientes de Santa Catarina Força Nacional de Segurança segue nesta tarde para SC Defesa Civil abre conta para doações Tragédia em Santa Catarina  Veja galeria de fotos dos estragos em SC   Número de vítimas deve subir  Para governador, será preciso muito recurso  Morador de Blumenau relata a situação        Na segunda, a Secretaria foi avisada pelo Diretor Executivo do Porto de Itajaí, Marcelo Salles, dos danos sofridos no Porto de Itajaí por causa das fortes chuvas em Santa Catarina. Segundo a SEP, houve perda em dois berços de atracação e na estrutura do armazém dois.   De acordo com a Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp), três navios de contêineres que atracariam em Itajaí trocaram suas escalas para o Porto de Santos, para os terminais da Libra e Rodrimar.   (Com informações de Rejane Lima, de O Estado de S. Paulo.)

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.