Pelas cidades

Baleada pode ter caído em golpeA polícia investiga se Maria José da Silveira Pessioni, de 63 anos, baleada na cabeça anteontem em Perdizes, caiu no golpe do celular, quando criminosos afirmam ter sequestrado um parente seu. Esse pode ter sido o motivo de Maria ter sacado R$ 8 mil num banco. Seu estado é gravíssimo. Ao sair da agência, foi abordada por dois homens e teria se recusado a entregar o dinheiro.Falso carteiro é preso após assaltosUm ex-detento acusado de praticar vários assaltos a pedestres foi preso pela Polícia Militar em Francisco Morato, Região Metropolitana de São Paulo. Ele se aproximava das vítimas vestindo uniforme dos Correios. Os PMs flagraram Flávio Belchior da Silva, de 29 anos, atacando uma mulher. Minutos antes, segundo a polícia, ele havia tentado assaltar outras duas.Benefício a Suzane volta a ser estudadoA Justiça voltou a analisar o pedido de progressão de regime (do fechado para o semiaberto) de Suzane von Richthofen, condenada a 38 anos de prisão pelo assassinato dos pais. O processo havia sido suspenso até que se apurasse a autenticidade de um perfil no Twitter aberto em nome dela, mas a defesa conseguiu acordo para que o benefício continuasse sendo analisado.156 leva R$ 11 mi de obra viáriaA gestão Kassab transferiu para o serviço telefônico 156 R$ 11,6 milhões destinados originalmente a obras viárias. O argumento é de que a verba seria usada na Nova Marginal, mas foi liberada porque o governo estadual assumiu o custo. O valor inicialmente destinado - R$ 254,9 milhões - já havia sofrido corte em janeiro. A Prefeitura alegou que o corte não afetava os projetos. MP denuncia ex-secretário presoO Ministério Público de São Paulo ofereceu denúncia ontem contra Januário Rena, ex-secretário de Administração de Sorocaba, preso em flagrante no dia 15, em Itu, em um motel com três adolescentes. Rena, de 63 anos, foi denunciado por estupro, atentado violento ao pudor e submissão de criança à prostituição ou à exploração sexual. Ele está preso na Penitenciária 2 de Sorocaba.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.