Periferia terá uma ''megablitz''

A equipe caça-fumaça promete fazer um "intensivão" na periferia da capital paulista, a partir de hoje. Chamada pelo governo do Estado de megablitz, o argumento da ação "é garantir o cumprimento da legislação em todas as regiões do Município de São Paulo". Apesar da concentração de fiscais em locais mais afastados, conforme a Secretaria de Estado da Saúde os bairros centrais também terão vigilância.Atuam na capital metade dos agentes escalados para a função (250 pessoas) em todo o Estado. Por causa da concentração de estabelecimentos do ramo de diversão nas regiões das Vilas Madalena, Mariana e Olímpia, nas zonas sul e oeste, durante as madrugadas as ações de fiscalização são intensificadas nessas áreas. O mutirão nas áreas distantes foi organizado para garantir cobertura total. Na última semana, foi definido que uma parte dos fiscais atuaria à paisana.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.