Peritos analisam prontuários de Dutra Pinto

Os prontuários médicos do seqüestrador de Patrícia Abravanel, Fernando Dutra Pinto, estão sendo analisados pelos peritos do Ministério Público.O promotor Dimitrius Eugênio Bueri, da 14ª Vara Criminal, que solicitou a apreensão dos documentos, informou que o objetivo é saber exatamente as condições em que Dutra Pinto se encontrava quando passou a ser examinado e medicado e o tipo de atendimento e medicação recebida.Os prontuários são dos médicos Ricardo Cezar Cypriani, do Centro de Detenção Provisória (CDP), do Belém, Valdemar Lima Chaves Filho, do Hospital Municipal do Tatuapé, e Alcides Mendes, da Santa Casa de Misericórdia, todos em São Paulo.Os peritos do Ministério Público devem preparar um relatório que tentará traçar os caminhos do seqüestrador na prisão desde o dia 10 de dezembro, quando foi espancado por agentes penitenciários, até o dia de sua morte, dia 2.Nesta quarta-feira tomou posse na direção do Centro de Detenção Provisória, do Belém, a psicóloga Marisa da Costa Gadelha Rodrigues em substituição a Waldomiro Martins Bueno, que foi exonerado do cargo pelo secretário da Administração Penitenciária, Nagashi Furukawa.Marisa estava à frente do presídio de Mongaguá no litoral sul.O corpo de Dutra Pinto será liberado nesta quinta-feira pelo Instituto Médico Legal (IML). A família ainda não sabe onde será o enterro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.