Peritos e legistas encerram greve depois de 30 dias em PE

Os médicos e dentistas legistas que trabalham no Instituto de Medicina Legal e os peritos funcionários do Instituto de Criminalística encerraram a greve de 30 dias e voltaram ao trabalho nesta sexta-feira. Em assembléia realizada na noite de ontem, eles decidiram entrar em acordo com o governo do estado e encerrar a paralisação. O Governo se comprometeu a começar o pagamento de uma gratificação de incentivo de 1,85%, que atualmente não incide sobre o salário-base de R$ 550, a partir de janeiro de 2007. O projeto do plano de cargos, carreiras e vencimentos não estava incluído na discussão, desde que foi retirado da pauta da Assembléia Legislativa, na última semana de mandato de Jarbas Vasconcelos como governador do Estado. As informações são do site pe360graus.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.